13:14

Prefeita Cici anuncia desconto na conta de água para os atingidos pelas chuvas




A Prefeita Cici Magalhães informou nesta segunda-feira, 03/02, que as pessoas afetadas pela enchente em Manhuaçu terão descontos na conta de água emitida pelo SAAE.

De acordo com a prefeita, será feita uma média das contas dos últimos seis meses (exceto janeiro) para chegar ao valor cobrado. “Sabemos que os moradores e comerciantes foram bastante prejudicados e precisaram de água para lavar seus imóveis e pertences. O consumo subiu muito nos últimos dias e é uma questão de sensatez da administração, do SAAE e do CISAB entender a dificuldade porque passa a população de Manhuaçu”, destacou a prefeita Cici Magalhães.

Anúncio

A medida faz parte da resolução 002/2020 editada pelo Consórcio de Saneamento da Zona da Mata (CISAB), órgão regulador do serviço de água na região, atendendo a um pedido da Administração de Manhuaçu.

As casas e comércios afetados pelas águas foram cadastradas nos últimos dias por servidores municipais da Defesa Civil e também em ocorrências da Polícia Civil e da Polícia Militar durante as visitas.

Anúncio

COMO SERÁ

O benefício da cobrança pela média de seis meses não é automático. Ele deverá ser requerido no SAAE Manhuaçu com documentação que comprova que o imóvel foi afetado.

“O consumidor receberá a conta com o consumo medido normalmente. Se ele desejar a revisão, deverá procurar o SAAE no Bom Jardim ou no prédio da Prefeitura e requerer o novo cálculo”, destaca.

Outro ponto importante da resolução é que a regra vale para as medições de consumo feitas nos 30 dias após o alerta vermelho da Defesa Civil, gerado no dia 24 de janeiro.

A resolução também prevê benefício de cancelamento ou revisão da cobrança em casos de imóveis total ou parcialmente destruídos por alagamentos ou desabamentos de terra.

CONSUMO AUMENTOU 500%

Segundo o Diretor do SAAE, Luís Carlos Carvalho, a serviço de abastecimento em Manhuaçu também foi bastante afetado pelas chuvas. Além do rompimento da adutora de Manhuaçuzinho, a estação de bombas no bairro Lajinha ficou submersa.

Desde o dia em que as águas começaram a recuar, funcionários do SAAE fizeram esforços para recompor o abastecimento da cidade. “Tivemos sérios prejuízos e grandes danos na nossa rede. Nosso pessoal trabalhou diuturnamente e conseguimos, ao longo da semana, restabelecer o abastecimento. Por outro lado, o consumo aumento 500% nessa semana, justamente porque os moradores precisavam limpar suas casas e lojas”, pontuou.

Anúncio

Luís Carlos ainda explicou que devido ao alto consumo em alguns bairros realmente houve prejuízos para abastecer alguns bairros. Ele afirma que ainda existe muito serviço a ser feito, especialmente com reparos em redes, consertos em ligações e hidrômetros e redes de esgoto.

Secretaria de Comunicação Social

Anúncio