outubro 18, 2019 8:05 am

Policial Militar é ameaçado de morte por ligação telefônica




COPOM de Manhuaçu recebeu denúncia anônima noticiando que um militar estaria com a cabeça a prêmio e que a família do militar, neste caso, a esposa e a filha dele também estariam correndo risco de serem vítimas de homicídio, pois tem circulado informações de que pistoleiros de Mutum foram pagos para ir até a residência do mesmo, que fica no município de Conceição de Ipanema e executar o serviço e logo que alguma das vítimas, o militar, a esposa ou filha abrissem a porta da residência iriam executá-los; que o serviço seria feito no período compreendido entre os dias 14 ou 15 de outubro, sem horário definido”. Idêntica denúncia foi recebida também no Pelotão PM de Mutum e pela Sala de Operações do Pelotão PM de Ipanema.

Durante levantamento na cidade de Conceição de Ipanema, fim identificar o responsável pelo número da vivo, utilizado para formalizar a denúncia, os militares obtiveram a confirmação, através de pessoa que não quis se identificar, que o telefone é utilizado por homem.

Em contato com homem para esclarecimento dos fatos narrados na denúncia, ele negou ter formalizado a referida denúncia ou ainda que tenham feito tal denúncia para intimidar ou ameaçar ou amedrontar ao policial.

Porém, após o homem ter feito contato com o advogado, este assumiu ter efetuado a ligação e quem teria denunciado foi um indivíduo, que no último sábado, 12/10, eles estavam no distrito de Penha do Coco, município de Chalé/MG, quando teriam ouvido dois indivíduos desconhecidos dizendo que haviam pegado uma empreitada para matarem o militar e a família; que a título de ajuda fizeram a ligação telefônica para avisarem do que poderia ocorrer com o militar.

Manhuacu.com/com informações da PM