setembro 9, 2019 11:39 am

Polícia Ambiental apreende pá carregadeira na zona rural de Santana do Manhuaçu




Ação da Polícia Militar de Meio Ambiente de Manhuaçu apreendeu uma pá carregadeira e aplicou multa de quase seis mil reais por conta de uma terraplanagem na margem de um rio em Santana do Manhuaçu, neste sábado, 07/09.

Equipe da Polícia Militar de Meio Ambiente de Manhuaçu realizava patrulhamento pelo Córrego Vargem Grande, no município de Santana do Manhuaçu, quando deparou com uma intervenção em área de preservação permanente. O proprietário do terreno, que margeia um curso d’água, contratou os serviços de uma máquina pá carregadeira para nivelar o terreno. A questão toda é que o nivelamento era realizado amenos de 30 metros de distância do rio e o proprietário não tinha autorização do órgão ambiental.

O proprietário do terreno e o dono da máquina foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil. Assinaram termo de ocorrência para comparecerem à Justiça. A máquina – pá carregadeira – foi apreendida.

Além dessas medidas, pela intervenção em área de preservação permanente e utilização da máquina, a Polícia Militar de Meio Ambiente confeccionou os Autos de Infração (multas) que somados totalizaram R$ 5.749,12.

Intervenções às margens de cursos d’água, sem autorização dos órgãos ambientais, são crime. A Polícia Militar de Meio Ambiente orienta aos proprietários que, antes de qualquer tipo de obra próxima a rios e córregos, procurem informações e busquem autorização junto aos órgãos ambientais.

O policiamento ambiental continuará atuando e investindo esforços para coibir essa conduta na região. Há pouco mais de um mês, em outra ação da PM Ambiental, três máquinas foram apreendidas fazendo o desmatamento de uma área rural de Manhuaçu.

A comunidade pode colaborar, ligando para o Disque Denúncia Unificado – DDU 181. O sigilo é garantido.

Portal Simonésia