julho 15, 2019 2:02 pm

MG Transplantes faz nova captação de órgãos no Hospital César Leite




Equipe do MG Transplantes realizou mais uma captação de órgãos no último sábado, 13/07, no Hospital César Leite, em Manhuaçu.

Os profissionais vieram e fizeram a captação de rins e do fígado do paciente, um homem de 28 anos de Raul Soares, cuja família autorizou a doação de órgãos.
A equipe do MG Transplantes chegou a Manhuaçu para os procedimentos na tarde de sábado. A captação dos órgãos foi realizada no bloco cirúrgico do HCL e encaminhada para os hospitais onde os receptores já aguardavam para os transplantes.

A doação de órgãos tem sido uma prática cada vez mais comum na região. O HCL atua em constante conscientização. Segundo a direção do hospital, em abril também houve a captação de rins de uma doadora – uma mulher de 62 anos, de Santa Margarida. Ela teve morte cerebral confirmada e a família autorizou a doação de órgãos.

PROCEDIMENTOS

A enfermeira Leiliane Soares de Freitas, da Comissão Intra-hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT) do Hospital César Leite, explica que o procedimento segue todos os protocolos do MG Transplantes. “O trabalho da comissão é acionado a partir do diagnóstico de morte cerebral do paciente que está internado. São seguidas todas as rotinas para confirmação e fazemos o contato com a central do MG Transplantes”.

Leiliane Soares conta que é a família quem define tudo. “O hospital não interfere e nem influencia. Se a família autoriza a doação, passamos a fazer o contato para que a equipe especializada venha até o HCL faz a captação, especialmente por conta do intervalo necessário para que o transplante seja viável”.

O provedor do HCL, Sebastião Onofre Carvalho reforça que a doação de órgãos é divulgada para incentivar outras pessoas. “É uma situação difícil para a família que perdeu um ente querido, mas ela oferece uma nova oportunidade para várias pessoas. Queremos agradecer à família dessa senhora e que Deus possa confortá-los sabendo que ajudaram ao próximo”, pontuou.

Assessoria de Comunicação