novembro 28, 2018 7:29 am

Mulher esfaqueia outra na portaria do HCL em Manhuaçu




Uma mulher esfaqueou a outra na portaria do Hospital César Leite, em Manhuaçu, na noite desta terça-feira, 27/11.

De acordo com o registro da Polícia Militar, Paola, 19 anos, contou que estava como acompanhante de uma amiga internada. Ela disse que viu Amanda, 24 anos, passar por duas vezes em frente ao quarto. Quando estava no bebedouro, ela viu Amanda indo embora e houve uma discussão entre as duas por causa de áudios enviados por whatsapp. Nesse momento, na versão de Paola, Amanda deu um tapa em seu rosto.

Ainda segundo a ocorrência, a autora ao ser agredida fisicamente, tirou uma faca da cintura e saiu correndo atrás da vítima, descendo as escadas no sentido da saída do hospital. Ela alcançou a jovem na portaria, desferindo uma facada nas costas de Amanda. Ainda conseguiu dar mais três facadas na parte da frente do corpo da vítima. A agressão não continuou devido à intervenção de funcionário da portaria do HCL.

PERFURAÇÃO E ESCORIAÇÕES

Como já estava no hospital, Amanda foi atendida pelo médico de plantão, sendo constatada uma perfuração nas costas e escoriações superficiais nos braços. A Vítima ficou internada sob observação médica a fim de ser avaliada a necessidade de cirurgia.

Aos policiais, Paola alegou ainda que vem sendo ameaçada de morte pela vítima Amanda há aproximadamente dois anos. Ela foi presa e conduzida para a delegacia de Polícia Civil com a faca de serra utilizada para o crime. A mulher foi autuada.

Em grupos de whatsapp circularam boatos alegando que era uma briga entre enfermeiras, porém isso não procede.

NOTA DO HOSPITAL CÉSAR LEITE

O Hospital César Leite esclarece que a ocorrência envolvendo duas mulheres, na portaria na unidade hospitalar, ocorreu devido a questões pessoais entre uma acompanhante de paciente internada e uma visitante.

Funcionários da recepção e portaria agiram prontamente para tentar evitar que o caso tivesse maiores repercussões.

A Polícia Militar foi acionada e adotou as medidas cabíveis com relação à envolvida.

Já a vítima passou por uma cirurgia e está se recuperando com a devida assistência hospitalar.

Esclarecemos que foi uma situação inesperada, isolada e pessoal e que todas as providências foram adotadas.

Manhuacu.com/com informações da PM