novembro 22, 2018 7:48 am

OAB Subseção Manhuaçu: disputa acirrada pela presidência




no adverts for now

Faltam poucos dias para as eleições dos cargos diretivos das seccionais da OAB de todo o país e para membros do Conselho Federal da Ordem. A expectativa é grande em todo o Estado de Minas Gerais no próximo sábado, 24/11, quando estará acontecendo a eleição.

Em Manhuaçu, os candidatos à presidência da unidade estão trabalhando exaustivamente nas cidades que compõem a 54ª Subseção, para o mandato 2019/2021, iniciando-se em primeiro de janeiro do ano seguinte ao da eleição, salvo o Conselho Federal. Os conselheiros federais eleitos iniciam seus mandatos em primeiro de fevereiro do ano seguinte ao da eleição.

Glauco Macedo, José Paulo Hott e Alex Barbosa de Mattos estão aproveitando cada minuto para apresentar as propostas de mudanças que a advocacia clama: fazendo uma campanha intensa, utilizando principalmente as redes sociais e valorizando os companheiros. Uma campanha desenvolvida recheada de propostas fáticas e reais que serão cumpridas na gestão, com o propósito de beneficiar não só os advogados, mas também toda a sociedade que sofre e espera uma justiça mais célere e acessível.

Os candidatos também estão visitando colegas de profissão que militam em Manhuaçu, Ipanema, Mutum e Lajinha, com o objetivo de apresentar as ideias que podem fazer a diferença nas urnas, para um resultado que ainda está indefinido. Haja vista que não é a palavra que demonstra uma característica, mas o fundamental é inovar, pois boa parte da advocacia sabe que embora tenha ideias tradicionais torna-se fundamental mudanças para novos rumos.

A Chapa 01, tem como candidato o advogado Glauco Macedo e vice Anízio Gomes. O candidato defende a transparência do gestor na OAB, a valorização do jovem advogado e a independência para a verdadeira renovação, agir com independência e trabalhar no caráter fiscalizatório. Segundo ele, o que não se pode é tolerar atos impensados e fora do estrito dever legal. As instituições devem cumprir seu papel fundamental, para dignificar o trabalho por elas exercido.

Defende também a criação de uma Comissão de prerrogativas para atuar em defesa dos advogados, dentro do princípio legal das prerrogativas que deve ser intransigível. “O presidente não deve ocupar um cargo comissionado e, sim exercer função de destaque, prestígio e respeito junto aos demais órgãos. O advogado trabalha a favor do Estado Democrático de Direito ”, disse o candidato.

O candidato da chapa 02, defende a Experiência e Juventude, encabeçada pelo advogado José Paulo Hott e vice Glauber Vidal sobre as propostas de trabalho e o que fará, caso seja eleito no dia 24 de novembro. O candidato destaca que entre tantas propostas estão a edificação da sede própria, biblioteca virtual, consultórios médicos, reforma das salas da OAB em Lajinha, Mutum e Ipanema, escritório modelo para o jovem advogado, além de dar apoio e incentivo ao jovem advogado no início da profissão. Ele destaca que para a 54ª Subseção ficar mais forte, há a necessidade de mais apoio para a classe, estabelecer um sistema que funcione para cobrança de consultas e uma reestruturação para o bom funcionamento. “Nossa Subseção está parada há seis anos, desde que a deixamos. Tudo está bem ultrapassado”, ressalta José Paulo Hott.

O candidato da Chapa 03, que concorre à reeleição e atual presidente da 54ª Subseção, advogado Alex Barbosa de Matos, que tem como vice Arilson Nobre, com o slogam OAB Forte e Respeitada foi procurado diversas vezes pela reportagem para falar sobre as propostas e o pleito eleitoral. A informação da assessoria era de que ele estava viajando para as cidades de Mutum e Ipanema, porém, não foi dada resposta quanto ao solicitado até o fechamento desta edição, 14/11.

Eduardo Satil / Tribuna do Leste