outubro 13, 2018 10:03 am

Localizados adolescentes e crianças supostamente envolvidos no caso de estupro de uma menina




A Polícia Militar localizou, na tarde desta sexta-feira, 12/10, as três crianças e um adolescente supostamente envolvidos no caso de estupro de uma menina de sete anos.
 
Aos militares, os quatro confirmaram o envolvimento e disseram que foi menina que os chamou para “brincar”. Eles ainda relataram que conheciam a menina de vista, e que o fato aconteceu em um loteamento da cidade. Indagados por que a menor de sete anos estaria suja, eles afirmaram que ela havia caído.
 
O adolescente de 12 anos foi conduzido a Delegacia de Polícia Civil de Caratinga.
 
O caso
 
A PM registrou a ocorrência no final da tarde de quinta-feira, 11/10, em Caratinga. Segundo o boletim policial, a equipe compareceu a Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24H) de Caratinga para averiguar a ocorrência de estupro de vulnerável, sendo a vítima uma criança do sexo feminino, de 07 anos de idade.
 
Uma senhora, que teve a identidade preservada para que não haja a identificação da vítima (menor de idade), estava acompanhando a menina. Ela relatou que estava no trabalho quando seu irmão ligou e informou que viu a vítima na rua, suja de terra e sangue.
 
Na UPA, a criança foi atendida pela pediatra que constatou lesão na região vaginal e rompimento do hímen.
 
A vítima disse que foram quatro autores, que eles a chamaram para brincar e a estupraram. Uma equipe da Polícia Militar se diligenciou até a casa da mãe da vítima que acompanhou o registro.
 
O Conselho Tutelar também foi acionado pra participar dos trabalhos desenvolvidos durante a ocorrência.
 
TV Super Canal