agosto 5, 2018 1:23 pm

Homem agride esposa dormindo e desfere pelo menos 10 golpes de faca




Durante patrulhamento policial em Simonésia, os militares foram acionados por moradores vizinhos de uma casa, onde uma briga entre um casal estava acontecendo. Testemunhas disseram ter ouvido gritos e barulho de objetos sendo quebrados.
 
Após a chegada da viatura, a equipe policial encontrou a mulher em frente a residência dela, nas proximidades da Escola Municipal Padre Miguel. Marlene Custódia da Silva foi encontrada toda ensanguentada, mas lúcida. A mulher informou à Polícia Militar que estava dormindo, quando de repente foi acordada pelo marido com socos e chutes. Após se defender das agressões, a mulher disse que o companheiro dela foi até a cozinha e retornou com duas facas. Ele então passou a desferir golpes de faca contra ela, causando múltiplos cortes e perfurando partes do corpo. Algumas lesões atingiram perto de órgãos vitais da vítima. O posto de saúde de Simonésia contabilizou pelo menos 12 perfurações. O crime aconteceu na frente da filha do casal de 08 anos.
 
Ao entrarem na residência, policiais militares encontraram o marido dela deitado no chão com alguns pequenos cortes e manchas de sangue. Segundo a PM, Wanderlei Emídio da Silva, de 43 anos, disse que estava com dores nas costas e, em sua defesa, alegou que a mulher estava traindo ele.
 
Wanderlei também foi levado para o posto de saúde de Simonésia. Na unidade de saúde, as enfermeiras de plantão contaram à polícia que toda vez que Wanderlei agride a esposa, ele se queixa de dores na região lombar, mas a equipe médica não constata nenhuma lesão ou problemas de saúde.
 
Após receber tratamento médico para cuidar dos cortes nas mãos, Wanderlei Emídio da Silva foi conduzido para a delegacia sobre a acusação de lesão corporal.
 
Marlene foi encaminhada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Manhuaçu, onde segue tratamento, mas não corre risco de morte.
 
Portal Simonésia