junho 25, 2018 8:19 am

Homem é assassinado a tiros em Reduto




Waldir Almeida morreu após ser baleado na cabeça. O crime foi em Reduto, no final da tarde deste sábado, 23/06. A Polícia Militar continua em busca de informações sobre os dois envolvidos no crime.
 
Segundo o Subtenente Júlio Márcio, por volta de 16 horas, os policiais de Reduto abordaram a vítima Waldir e também o autor Willian Gomes, que estaria envolvido no homicídio. Cerca de 30 minutos depois, o Centro de Operações no Batalhão recebeu ligações de que Waldir passou na “rua da linha do trem” e fez disparos. “O veículo foi abordado e nada foi encontrado com ele e nem no carro, já Willian não foi localizado nessa segunda ação. Quarenta minutos depois, Waldir resolveu passar novamente pela rua em que Willian, seu desafeto, reside. Foi nesse momento que Willian já saiu efetuando disparos. Não acertou e entraram em luta. A filha de Waldir ouviu Willian dando ordens para um cidadão, identificado como Gilbertinho, para que efetuasse os disparos. Essa terceira pessoa atirou duas e atingiu a cabeça da vítima. Waldir foi socorrido, mas não resistiu e morreu duas horas depois”.
 
Segundo o militar, ocorreram duas abordagens, só que nada irregular foi encontrado. “Foram abordagens preventivas, mas que não resultaram em algo que tivesse que ser feito pelos policiais. Outra informação é que os dois estavam se atritando desde a semana passada”.
 
Aos policiais, o relato da filha é que Willian segurou Waldir, entregou a arma para Gilberto e mandou que ele atirasse contra a cabeça da vítima. Ela ainda relatou que Gilberto parecia não queria atirar, mas que Willian disse: ‘atira que eu estou mandando’. Foi então Gilberto efetuou dois disparos, tendo um acertado na cabeça de Waldir e outro no ombro.
 
Havia uma terceira pessoa com eles no carro. Um rapaz que mora no bairro Santa Terezinha em Manhuaçu, que ao ver Willian atirando contra Waldir saiu correndo do local.
 
Perícia da Polícia Civil esteve no local. A Polícia Militar segue em rastreamento no intuito de localizar os envolvidos e a arma utilizada no crime.
 
Tribuna do Leste



no adverts for now
no adverts for now