maio 15, 2018 7:43 am

Reginaldo Lopes visita a região e discute segurança pública




O deputado federal Reginaldo Lopes esteve nas cidades de Manhumirim, Luisburgo e Caparaó, para contato com as lideranças e, ao mesmo tempo falar de alguns projetos de sua autoria, que estão tramitando no Congresso Nacional. O parlamentar também aproveitou para ouvir opinião das lideranças, no sentido de saber as reais necessidades de cada setor, cada localidade e conclamar para uma participação ativa da sociedade a enfrentar os desafios que o Brasil enfrenta.
 
Em Luisburgo, durante reunião com os integrantes do Diretório Municipal para traçar metas a serem alcançadas, o parlamentar discutiu questões ligadas a segurança pública em sentido amplo, que se tornou algo preocupante no cotidiano.  Ele considera que a crise econômica amplia o sentimento de insegurança no país e, o modelo de segurança pública que precisa ser mudado urgentemente.
 
O modelo de segurança pública no Brasil é falido, que possui duas “meias polícias”, onde a Polícia Militar faz uma parte e a Polícia Civil faz a outra parte. “Podemos plenamente dar à Polícia Militar autonomia para o trabalho investigativo e ter várias polícias. Podemos falar em avanço, mas, para isso precisamos discutir e mudar todo o sistema de segurança. Hoje 97% dos inquéritos são arquivados”, relata o parlamentar.
 
Autor do projeto que cria o sistema único de segurança pública, Reginaldo Lopes sente a necessidade de melhorar toda a condição e uso da força por parte da polícia. O parlamentar também é presidente da comissão especial que criou o Plano Nacional de Enfrentamento ao Homicídio de jovens e autor do projeto do plano de redução de homicídios. Segundo ele, nos próximos dias o projeto deverá ser aprovado no Congresso.
 
O deputado explica que após a aprovação, todos os municípios deverão elaborar em tempo record o plano de segurança pública para daqui a dez anos e, assim, formatar uma política pública para reduzir os crimes de homicídio, bem como o Estado e a União. “Os municípios de Manhuaçu, Manhumirim, Luisburgo, enfim todos deverão iniciar esse processo. Zerar o número de homicídios e apresentar um plano de segurança pública será uma obrigação”, destaca Reginaldo Lopes.
 
Diretório Municipal pretende trabalhar a cidadania
 
Ao assumir o Diretório Municipal do Partido, Marlediam Portes de Freitas passou a traçar novas diretrizes de trabalho, para fortalecer a base e ações a serem implementadas dentro de uma filosofia diferenciada.
 
O grupo passou a discutir a atual conjuntaria social, a questão relacionada a segurança pública e postura por parte de lideranças. Marlediam Portes conta que, ao assumir a presidência do partido traçou metas para fortalecer e resgatar correligionários que estavam desistindo de continuarem a caminhada. Também sentiu a necessidade de trabalhar com a juventude para despertar a vontade de lutar, em prol de uma sociedade mais justa e igualitária.
 
Também está sendo desenvolvido em vários municípios da região, um projeto de mobilização a nível regional. Através de comitês, um estudo está sendo elaborado para um grande congresso municipal, que será denominado “Congresso do Povo”, para que haja resistência em cada município a fim de enfrentar todo o contexto político imposto às pessoas junto ao retrocesso. Segundo a presidente do Diretório, o evento deve acontecer no próximo mês em um município, a ser ainda definido.
 
Eduardo Satil



no adverts for now
no adverts for now