abril 23, 2018 7:57 am

Câmara de Manhuaçu debate sobre funcionamento da Feira Gastronômica




Em reunião ordinária, na noite desta quinta-feira, 19/04, presidida por Jorge Augusto Pereira “Jorge do Ibéria”, a Câmara de Vereadores de Manhuaçu aprovou cinco projetos de lei, um projeto de resolução, moção, requerimentos e indicações. Além disto, debateu sobre a adequação da Feira Gastronômica e recebeu visita dos funcionários da EMATER que apresentaram o Relatório Anual de Atividades de 2017. O legislativo também abriu primeira discussão sobre o projeto de lei do Código de Obras do Município em que uma próxima reunião aberta aos interessados irá acontecer na quarta-feira, 25/04, as 8h30.
 
Feira Gastronômica
 
Na última sessão extraordinária, o Vereador Rogério Filgueiras “Roguerinho” demonstrou preocupação quanto ao possível fechamento da Feira Gastronômica que funciona uma vez por mês no Centro de Manhuaçu. Em relação a este assunto, a Secretária de Cultura, Gena Clara, e o Secretário de Fazenda, Claudinei Domingues, foram até ao Legislativo e explicaram sobre a adequação que o evento está passando.
 
“Nós não vamos parar a feira. Apenas paramos este mês devido a fiscalização da Operação Cidade Legal. Estamos adequando melhor o evento e proporcionando mais segurança para as pessoas, fiscalizando mais a cozinha dos expositores e a partir de agora a feira está regulamentada e todos podem ficar tranquilos”, justificou a Secretária de Cultura, Gena Clara.
 
O Secretário de Fazenda, Claudinei Domingues, também explicou: “As duas secretarias estão trabalhando em função do município, então como houve a fiscalização dos ambulantes no mês de março, nada melhor do que regulamentar a feira, sendo que não existia essa regulamentação. O município não quer acabar com a feira, apenas ajustar a situação. Isso significa na prática que todo feirante terá o direito de uso do espaço, prazo de concessão e toda regulamentação de acordo com evento cultural”, detalhou Claudinei.
 
A comerciante e tesoureira Márcia Fernanda pediu ajuda das autoridades para não deixar a feira acabar. “É uma renda extra que nós temos. Creio que vamos voltar com todo vapor. Quero agradecer a Secretária Gena Clara por estar correndo atrás e está lutando por nós. Sobre as condições dos nossos alimentos, são feitos com muito amor, carinho e cuidado. A gente procura fazer tudo fresquinho”, salientou Márcia Fernanda.
 
Aprovados
 
Aprovado projeto de lei de autoria do Poder Executivo que altera o quadro de subvenções previsto no artigo 1º da Lei nº 3.772, de 28 de novembro de 2017. Inclui no quadro de relação das entidades a receberem subvenções neste ano de 2018, a APAC com o valor de R$ 90.000,00.
 
Aprovado projeto de lei de autoria do Poder Executivo que autoriza o Poder Executivo a promover repasse de recursos financeiros à Associação dos Professores de Educação Física de Manhuaçu na forma de cota patrocínio para a realização do Campeonato de Tiro com Arco de Manhuaçu que irá acontecer no dia 29/04.
 
Aprovado projeto de lei de autoria do Poder Executivo que altera dispositivo da Lei nº 3.796, de 22 de dezembro de 2017. Trata-se de alteração da composição JARI que passa a contar com 1 integrante, com conhecimento na área de trânsito, com no mínimo nível médio de escolaridade; 1 integrante representante que seja servidor do órgão que imos a penalidade e 1 representante de entidade representavas da sociedade, ligada à área de trânsito.
 
Aprovado projeto de lei de autoria do Vereador José Eugênio que declara de Utilidade Pública o Instituto Soledade.
 
Aprovado projeto de lei de autoria do Poder Executivo que autoriza o Poder Executivo a promover repasse de recursos financeiros à Associação de Mulheres de Monte Alverne.
 
Projetos de Resolução
 
Aprovado projeto de resolução de autoria do Vereador Gilson Cesar da Costa que concede o Diploma de Honra ao Mérito ao Sr. Cristóvam Luiz Rocha – Ex Secretário de Fazenda.
 
Assessoria de Comunicação



no adverts for now
no adverts for now